Sobre o Blog

Examinando Pixels é a versão em português do blog Perusing Pixels, um diário fotográfico da jornada da jogadora Twin Pistols através da série de jogos Tomb Raider. Use os links à direita para encontrar um jogo ou fase em particular, ou veja abaixo o último post.

Siga @PerusingPixels no Twitter e/ou curta a página do Facebook para atualizações do blog original e outras coisas relacionadas a Tomb Raider.

Saturday, January 7, 2012

City of Vilcabamba

Sendo uma jovem garota, jogando Tomb Raider pela primeira vez, levou um tempo para eu criar coragem suficiente para jogar essa fase. Eu tinha assistido meu primo jogando-a em seu PS1, e ela simplesmente parecia um pouquinho assustadora demais para eu tentar. Quero dizer, há dois ursos nessa fase.
Dessa vez, eu meio que consegui estabilizar meus nervos e fazer meu caminho através dessa pequena cidade infestada de plantas.
(E eu descobri na Wikipédia que Vilcabamba foi mesmo uma cidade Inca, e a última a sucumbir à invasão dos espanhóis, em 1572. Só no caso de você querer saber.)



Este é o começo da fase. Não há nada demais pra se falar sobre ele, sério, exceto que ele aparentemente herdou o esquema de cores da última fase.



O ataque conjunto dos quatro cães que ocorre no momento que você se aventura através das grandes portas de pedra é uma das coisas que me faziam perder o interesse em jogar esta fase quando criança. Quatro cães... e nenhuma capacidade de mudar de direção no meio do salto! Mesmo atualmente, foi um pesadelo. Na verdade eu tive que usar um health-pack. Sim. Na segunda fase.



Este é outro momento assustador (e ocorre segundos apenas após o ataque dos cães). Um urso! O animal mais feroz encontrado até o momento, e desta vez ele não está preso em um fosso.



Um segredo nessa fase inclui uma pequena piscina contemplada do alto por quatro cobras de pedra. Eu fiquei esperando elas virarem cobras de verdade, mas elas parecem contentes em ficarem lá, sentadas e sorrindo.



Esquivando-me por Vilcabamba, eu topei com este corredor bastante ameaçador. Mesmo desta vez que estava jogando, me levou um tempo para criar coragem suficiente e me aventurar a atravessá-lo. Eu estava certa em me preocupar, também; um lobo raivoso se auto catapulta sobre você no momento em que você chega ao fim.



Alguns artefatos Incas aleatórios espalhados ao redor de Vilcabamba. Eu fiquei aliviada que a pele do animal empalado não se tornou animada e começou a me perseguir com suas pernas de pau improvisadas.



É de se admirar que me levou meses para criar coragem pra jogar esta fase? O tema ‘parede de crânios’ é bastante comum na cidade e faz você se perguntar se o método de construção Inca não era um pouquinho macabro demais.



Curiosamente, este bloco móvel era a minha memória mais vívida de ver o meu primo jogar. Eu acho que foi por causa dos buracos nele, com o que parecia ser sangue seco embaixo. Eu imaginava uma pobre alma qualquer sendo acorrentada a esta coisa, tendo que empurrá-la e empurrá-la o dia todo, por nenhum bom motivo aparente.



A segunda área ‘principal’ de Vilcabamba apresenta uma espécie de templo, com alguns guardiões de pedra de aparência sóbria vigiando os degraus. Comparada com outras construções de Tomb Raider, esta daqui não é tão impressionante, pra ser honesta.



Esta armadilha dentro do templo só teria sido mais arrepiante se houvesse sangue nos machados, e talvez um lobo morto empalado em um dos lados. Alguma coisa em relação a objetos afiados em Tomb Raider sempre me deixou aterrorizada e deprimida. Eu suponho que a ideia de Lara sangrando lentamente até a morte nas profundezas de alguma tumba realmente não é uma imagem agradável.



Haha, a alavanca surpresa que não faz o que parece que irá fazer. Ela ainda funciona até hoje, quando eu estava a monstrando para meu noivo, que disse “ela obviamente abre aquela porta” e “este é o problema com esse jogo, ele é muito fácil” (falou o homem que não conseguiu zerar Tomb Raider Legend). Bem, eu provei que ele estava errado! Ele ficou tão nervoso e envergonhado que continou a passar roupa e assistir Dragon's Den (N.T.: uma série britânica, algo como Covil do Dragão).



Outro comentário feito nos comentários de Tomb Raider Anniversary é que os animais têm uma aparência fofa, e os ursos em particular parecem ursos de pelúcia. Muito bem então, há algo inerentemente assustador em relação a um urso de pelúcia fofo com uma fileira de dentes afiados, que ele fica ostentando. Esta foto ilustra o meu argumento.



Eu tirei esta foto para ilustrar a animação da chave invisível, presente em todos Tomb Raiders até TR5. Entretanto, eu fiz o upload dela porque parece que Lara está fazendo um súbito autoexame de mama.



E este é o fim de Vilcabamba. Só consegui dois segredos dessa vez, mas não faz mal. Eu não estou tentando destravar uma fase secreta ou algo do tipo.

No comments:

Post a Comment