Sobre o Blog

Examinando Pixels é a versão em português do blog Perusing Pixels, um diário fotográfico da jornada da jogadora Twin Pistols através da série de jogos Tomb Raider. Use os links à direita para encontrar um jogo ou fase em particular, ou veja abaixo o último post.

Siga @PerusingPixels no Twitter e/ou curta a página do Facebook para atualizações do blog original e outras coisas relacionadas a Tomb Raider.

Sunday, February 5, 2012

Bartoli’s Hideout

Em Bartoli's Hideout, nós somos obrigados a dizer um lacrimoso adeus a nossa confiável lancha e a quaisquer anedotas nostálgicas que eu possa ter daquela época em que tinha dez anos. Na minha recordação mais antiga de jogar esta fase, eu era uma garota com experientes quinze anos de idade, que conseguia facilmente dizer a diferença entre “texturas” e “portas”, e cuja ideia de um bom sábado à noite era jogar Tomb Raider II com o patch de voo, e arpoando inimigos confusos, enquanto Lara flutuava sobre os telhados.

A garota de quinze anos que eu era também possuía a habilidade de completar uma fase em menos que sete meses (embora ela provavelmente recorresse a um detonado em algum ponto), e então, jogando desta vez, eu fiquei alegremente surpresa em aprender que não possuo cada inimigo, corredor e irregularidade gráfica gravados na memória.

Então, tendo acelerado pelos canais de Veneza (deixando uma trilha de capangas mortos em seu rastro), Lara consegue encontrar por acaso o esconderijo de Bartoli, e começa a procurar o homem em questão.



O começo da fase, e aquele antigo elemento de Tomb Raider, de “começar em um corredor”, está de volta com tudo. Este também é o fim da linha para a lancha.



A grande entrada do pequeno refúgio de Bartoli, vista pela última vez no laptop daquele assassino, na China.



Compreendida dentro do esconderijo de Bartoli, está uma série de cavaleiros com espadas muito grandes. Eu não sei se faço uma análise Freudiana ou uma piada de pênis, então não farei nenhuma das duas.



Parece que havia uma liquidação de papéis de parede com horríveis estampas veludosas de leopardo. Que pena que Lara não trouxe consigo o seu velho carpete medonho; juntos, ela e Bartoli poderiam ter decorado uma sala adequada ao Nono Círculo do Inferno (N.T.: Twin Pistols se refere aos “Nove Círculos do Inferno”, que aparecem na primeira parte do poema “A Divina Comédia”, parte esta chamada “Inferno”).



A morte sincronizada não é uma coisa limitada a ratos e velociraptors. Estes caras parecem fazer parte de algum tipo de grupo de dança acrobática, com temática Nazista. Quem sabe, talvez eles façam? Não é como se Lara tentasse entrevistá-los antes de atirar neles.



Os blocos móveis em Tomb Raider II são bem menos horripilantes que aqueles no primeiro jogo, mas o que eles não têm em presença, eles compensam em sutileza. É uma surpresa que eu me lembrei desta parte da fase, senão eu provavelmente ainda estaria presa nesta sala, neste momento. Bem, não estaria. Eu teria olhado um detonado bem antes disso acontecer, mas você sabe o que eu quis dizer.



Eu sabia que só podia ser uma questão de tempo antes que a armadilha de fogo aparecesse. Desta vez, atravessá-la consumindo medi-packs é algo absolutamente inútil; Lara pega fogo se ficar a vários centímetros das chamas, e sua saúde não para de diminuir até você jogá-la na água. Na realidade, eu tive que utilizar lógica e cronometrar meu tempo neste puzzle. Eu sei. Eu também fiquei enjoada.



Esta é a sala dos lustres, a mais recente vítima do amor obsessivo de Marco Bartoli por papéis de parede medonhos. Aquela alegre estampa amarela não tem nenhuma chance contra o ataque felpudo. 



Escondida nas profundezas da mansão de Bartoli, está a biblioteca com a localização mais inconveniente do mundo. Agora, eu não conheço nenhuma biblioteca que iria tolerar livros abertos e corpos mortos sujando o chão. Eu recebi um olhar torto só por largar um livro em cima do balcão de retorno, de uma posição um pouco mais alta do que era necessário. 



É hora de modelagem bonita em 3D! Eu não sei o que isto é, exatamente, mas eu planejo ter uma réplica no meu futuro jardim.



Bizarramente, a fase Bartoli's Hideout oferece a Lara a oportunidade de demolir uma casa. Destruir a casa não é algo realmente necessário para completar a fase, mas é bem provável que, se Lara gosta de atirar em coisas, ela gostará ainda mais de explodir coisas. Eu estou surpresa que você não ganhe um aumento em sua saúde, por fazer isto.



Por que todo lugar que Lara viaja tem que ter tantos túneis escuros e ameaçadores?



E este é o final da fase. Sim, eu sei que só peguei dois segredos; na hora em que eu olhei me lembrei como pegar o dragão prateado, eu já tinha avançado muito na fase, para voltar e pegá-lo. Ainda assim, o prêmio são só cartuchos de espingarda, e eu só recorro à espingarda no evento improvável das pistolas ficarem sem munição.

No comments:

Post a Comment