Sobre o Blog

Examinando Pixels é a versão em português do blog Perusing Pixels, um diário fotográfico da jornada da jogadora Twin Pistols através da série de jogos Tomb Raider. Use os links à direita para encontrar um jogo ou fase em particular, ou veja abaixo o último post.

Siga @PerusingPixels no Twitter e/ou curta a página do Facebook para atualizações do blog original e outras coisas relacionadas a Tomb Raider.

Sunday, February 19, 2012

40 Fathoms

40 Fathoms é o pior pesadelo de todo jogador que pula fases. Sendo uma criança, eu desprezava esta fase, por ela me fazer ter que realmente jogar um pouco, antes de conseguir achar um pedaço de terra seca e acender-um-flare-dar-uns-passos-e-pular para a próxima fase. Por alguma razão, quando eu tinha 10 anos, a minha ideia de jogar Tomb Raider era assistir e memorizar as cut-scenes; levou uns bons anos antes de eu realmente sentir a necessidade de jogar qualquer um dos jogos, e mesmo então, eu teria a minha melhor amiga sentada ao meu lado, para me substituir, e a faria tomar o controle quando as coisas ficavam um pouquinho assustadoras demais (i.e., quando um inimigo aparecia, ou uma textura parecia um pouquinho sinistra).

De qualquer maneira, já faz algum tempo, desde a última vez, então vamos retomar o enredo.

Enquanto estava explorando a plataforma petrolífera, Lara se deparou com um monge, Irmão Chen Barkhang, que tinha sofrido uma interrogação brutal nas mãos dos subordinados de Marco Bartoli. Ele conta a Lara que Marco está procurando o Seraph, um artefato que irá destrancar um “tesouro maligno” no monastério de Chen. A última localização conhecida do Seraph era com o pai de Marco, Gianni, cujo navio foi bombardeado pelo pai de Chen, enquanto estava navegando pelo oceano, levando Gianni (e possivelmente o Seraph) para um túmulo subaquático. 

Marco entra em cena, e mata Chen. Então ele vira sua arma na direção de Lara, que foge. Ela se depara com um pequeno submarino, prestes a mergulhar no oceano, e, supondo que ele possa estar se dirigindo ao navio naufragado de Gianni, ela decide segui-lo.



O início da fase, e definitivamente não é um corredor! Muito bem, Core. A carona de Lara chega subitamente ao fim, quando o capitão do submarino se assusta com um tubarão (por que quem espera ver um tubarão nadando pelo mar?), e consequentemente colide com um paredão, causando-lhe morte instantânea. Ah, capangas imbecis, onde os enredos de video-games estariam sem vocês?



Apesar de ter segurado seu fôlego por, pelo menos, a última meia hora, Lara ainda tem bastante ar em seus pulmões para prosseguir casualmente, junto ao leito oceânico, até o bolsão de ar mais próximo.



Existem alguns tubarões circulando por aqui, mas é bem fácil evitá-los, visto que eles se movem com toda a graça de um caminhão articulado conduzido por uma estrela do mar, e levam uma eternidade para reagir quando Lara nada por eles.



Arpoe-os algumas vezes, e os tubarões eventualmente tombam para um dos lados, com a nadadeira sobre o estômago, como se estivessem adotando a linguagem corporal universal associada a estar realmente saciado. Eu não sei dizer se eles estão mortos, ou somente fingindo que não querem comer a Lara, no final das contas.




Uma das coisas mais assustadoras a respeito dos tubarões, em Tomb Raider II, é a aparência deles, ao (terem finalmente se alinhado em uma posição na qual possam tentar) morder a Lara. Parece que todo o interior da boca deles está prestes a ser cuspido.



Felizmente, alguns deles são tão estúpidos quanto os capangas de Bartoli. Este daqui ficou bastante satisfeito em acariciar a borda deste buraco, com seu focinho, até que o último arpão de Lara o mandou para o doce esquecimento.

Oh, eu fiquei triste. Pobre tubarão. :(



Os segredos são ridiculamente fáceis nesta fase. Teria sido mais difícil não pegá-los. Um deles está próximo a uma alavanca que você usa para avançar na fase! Quero dizer, fala sério, depois do buraco com o T-Rex, em The Great Wall, nós esperávamos algo um pouquinho melhor que isto.



O melhor momento na fase, quando a câmera corta para uma visão externa do navio (ah, a propósito, Lara está no navio agora), aonde todos aqueles tubarões e barracudas estão nadando.



Sem essa, isto não é uma alavanca! É uma prancha de madeira grudada na parede!



Lara tenta abraçar outro objeto inanimado, desta vez uma escada. Eu acho que saqueadores de tumbas devem ficar solitários.



Por alguma razão, esta pilha de terra desencadeou esta música particularmente bonita. O nome da faixa é “Majesty” (Majestade). Hã... aham.



Lara tenta mostrar o dedo do meio para um par de cultistas, mas é frustrada por limitações gráficas. Isso, ou ela está irritada com uma leve coceira em sua testa.



Sim, esta fase foi bastante curta. E, como eu mencionei antes, os segredos foram fáceis. Não espere que eu me dê tão bem em todas as fases.

No comments:

Post a Comment