Sobre o Blog

Examinando Pixels é a versão em português do blog Perusing Pixels, um diário fotográfico da jornada da jogadora Twin Pistols através da série de jogos Tomb Raider. Use os links à direita para encontrar um jogo ou fase em particular, ou veja abaixo o último post.

Siga @PerusingPixels no Twitter e/ou curta a página do Facebook para atualizações do blog original e outras coisas relacionadas a Tomb Raider.

Sunday, October 21, 2012

Lara’s Home (Parte III)

(Parte I  Parte II)

Nós estamos no começo de um novo jogo, e isto só pode significar uma coisa; é hora de outra visita à majestosa morada de Lara, em Surrey, para aprender alguns movimentos novos, e azucrinar o mordomo.

Ao que parece, Lara descontou todo aquele ouro que ela tinha sobrando, jogado pelos cantos  evidentemente ela assiste muita televisão durante o dia, entre as suas façanhas  e tem estado ocupada gastando o dinheiro extra em novos mimos, tais como um ginásio interno, uma cozinha moderna, e fogo realista. A mansão também abriga algumas áreas secretas, para aqueles com o olhar aguçado e reações rápidas (N.T.: Twin Pistols se refere a anúncios que passam nos canais de televisão do Reino Unido e EUA, durante o dia, convidando as pessoas a enviarem joias de ouro velhas ou quebradas, em troca de dinheiro. “Cash 4 Gold” é um destes anúncios, que geralmente são direcionados a pessoas pobres/desempregadas).

Infelizmente, esta é a última vez que nós temos a oportunidade de explorar a casa de Lara em Surrey. Entretanto, para uma última visita, esta aqui é boa pra caramba.



A foto instantânea de Lara's Home no menu principal, e dessa vez é Lara que está perâmbulando pela foto, enquanto Winston tenta tirar fotografias com aparência real de si mesmo, em frente da mansão (possivelmente para algum tipo de jogo spin-off, algo como Fazedor de Chá III: As “Aventuras” de Winston Smith).



Nós nos juntamos a Lara em seu quarto, onde, para o desapontamento dos fãs de Nude Raider, ela já está vestida.



Lara fez algumas mudanças na mobília, desde o último jogo. Ela diminuiu o tamanho de sua cama, para uma que foi feita para acomodar um ser humano (ao contrário de algumas das maiores espécies de vida marinha)…



… Ela deu uma arrumada nas obras de arte e incluiu um busto (de…? Alguém tem alguma ideia? Uma busca por ‘busto em tomb raider 3’ produz resultados insatisfatórios)…



… E ela finalmente se livrou do…, ah. O sofá com estampa de leopardo ainda está ali. Bem, eu tenho certeza que ela chegará a jogá-lo fora eventualmente.



Outro objeto antiquado é o mordomo Winston, mencionado acima, com a bandeja de chá ainda soldada à suas mãos, que segue Lara aonde quer que ela vá, porque aparentemente não há nada melhor para ele fazer, como tirar pó, ou limpar, ou se aposentar.



Lara finalmente está popular o suficiente para gastar dinheiro com uma mesa de jantar, embora eu não saiba dizer exatamente quais amigos ela fez desde 1996. Talvez o Irmão Chen Barkhang, mas ele está morto (alerta de spoiler).



A sala de jantar tem um cantinho separado, para música e relaxamento e… aquilo é outro sofá com estampa de leopardo?!



Deixa pra lá, eu tenho certeza que aquilo foi só um descuido. Aqui, aprecie esta foto do salão principal, belamente decorado. Até mesmo o carpete está bonito!



O ginásio é reintroduzido do primeiro jogo, e renovado para incluir o equipamento padrão de playground; uma estrutura escalável, barras, colchão de quedas, etc…



A sala da piscina está particularmente incrível nesta encarnação, com o teto abobadado de vidro oferecendo uma visão espetacular do céu do início da noite.



Lara preencheu algumas das alcovas com estátuas de gato tiradas de Khamoon; esperemos que ela tenha feito isso após checar que elas não eram aquelas estátuas que se transformam em felinos de verdade (ou coisas piores)…



Vamos brincar lá fora. Aqui nós temos os jardins frontais.



Inclusa nos jardins frontais, está esta estátua de um elegante e orgulhoso cavalo, uma mudança bem-vinda, em relação àquele peixe gigante do ano passado, uma criatura infeliz que parecia que tinha caído de cabeça na terra, e estava esperando alguém vir e limpá-la.



O percurso de treinamento externo de Lara é praticamente o mesmo da última vez, com algumas partes mudadas para exibir as novas habilidades dela. Aqui está a nova habilidade de se balançar em barras, que é bem legal, mas não é nem de perto tão incrível como…



… A habilidade de abaixar e rastejar!  FINALMENTE! Levou trinta anos mas, até que enfim, Lara aprendeu como ficar agachada por mais que dois segundos.



Para completar o novo conjunto de habilidades, nós temos a capacidade de correr rápido, mergulhar e rolar, que é uma grande ideia, mas algo que eu pessoalmente nunca uso. Só pra você saber, eu também nunca completei Tomb Raider III, então as duas coisas podem estar ligadas…



Em algum ponto, durante o percurso de treinamento, Winston consegue trocar rapidamente de roupa (se você acreditar que tal advérbio possa ser aplicado àquela ruga em câmera lenta), colocando calças cáqui e um capacete, e fica perambulando pelo percurso de treinamento, deixando que Lara o use para praticar tiro ao alvo. Lara não precisa ser convencida a fazer isto.



Armado apenas com uma bandeja de chá, Winston logo é subjugado com a saraivada de balas, e cai no chão (milagrosamente não evaporando em uma nuvem de poeira em contato com ele). Entretanto, ele logo se levanta e se limpa, prontinho para outra rodada. Com isto, e aquele aprisionamento suspeito no banheiro, em Nightmare in Vegas, eu começo a suspeitar que ele seja um masoquista. Cinquenta Tons de Cinza, de fato…



Deixando o mordomo sozinho com suas fantasias de BDSM, nós nos dirigimos de volta ao interior da casa, e encontramos o caminho até a sala de troféus secreta, uma sala onde Lara exibe vários artefatos de suas aventuras. Acima da lareira, está a cabeça montada de um T-Rex, porque, se você teve que matar um dos animais mais raros no planeta, então você pode muito bem fazer um bom uso do cadáver dele.



Também existem alguns tesouros mais convencionais, tais como a Adaga de Xian (Tomb Raider II)…



… O Scion (Tomb Raider)…



… Um Artefato Dourado Genérico (Você Que Decide)…



… E esta coisa, que parece um casco de tartaruga rodopiante, também conhecida como o Iris. Mas aonde Lara conseguiu esse Iris?, eu ouço vocês exclamarem; bem, vocês terão que esperar e ver!

Anedota bônus de quando eu era uma garota: Eu costumava pensar que este era o capacete extra de Winston, que Lara tinha roubado, e exibia por razões que só ela sabia. 



Outra sala secreta é o aquário subterrâneo, um espaço relaxante e encantador, onde você pode ler um livro, observar os cardumes de belos peixes, ou simplesmente se deitar e cochilar em seu… ah, Lara.



É claro, se observar peixes se tornar muito entediante, você sempre pode simplesmente pular no tanque, e se juntar aos peixes, enquanto eles nadam por lá.



Já chega de atividades de relaxamento tediosas, é hora de fazer algo realmente divertido. Lara cortou aquela velha cerca viva chata, e construiu uma pista de quadriciclo para si mesma.



Wheeeeeeeeee! Mesmo que Lara não diga isso, dá pra você ver que ela está pensando isso (e eu estava gritando isso alto o suficiente para nós duas).



Após algumas horas tentando, e não conseguindo colocar o quadriciclo para fora do circuito de corrida, para poder atropelar o mordomo (não se preocupe, ele provavelmente iria amar isso), é hora de deixar a mansão, e começar nossa terceira aventura. Índia, à frente!

Thursday, October 4, 2012

Nightmare In Vegas

Nightmare In Vegas é a fase final de verdade em The Golden Mask, acessível apenas pegando todos os segredos nas quatro fases anteriores (ou, você sabe, baixando um save-game, o que ainda dá um pouco de trabalho…). Se o nome da fase é metafórico, ou se isto é mesmo um pesadelo que Lara está tendo, eu não tenho muita certeza. A presença de bestas míticas, mobília gigante, e soluções bizarras para problemas simples sugeriria a segunda opção, mas ei, é de um jogo Tomb Raider que nós estamos falando.



Nós nos juntamos a Lara enquanto ela está perambulando pelo seu gigantesco banheiro de hotel.



A banheira/vala no chão cheia d’água, embora menor que aquela na casa, aparentemente ainda é grande o suficiente para Lara quase se afogar nela.



Escapando dos perigos do banheiro, nós nos encontramos em uma espaçosa sala de estar, completa com este encantador carpete, estampado com óvulos gigantes coloridos.

Existem dois televisores para se escolher; este aqui, que está emperrado em um loop infinito de Elvis rebolando sua pélvis…



… Ou este aqui, mostrando aquele clássico do cinema, Quando King Kong Boxeou com Um T-Rex.



Evidentemente, a tia de Lara tinha algum tipo de carreira de designer de interiores comerciais, julgando pelo tamanho da mobília e pela abundância de estampas de leopardo.



O quarto de Lara também tem uma enorme sacada, oferecendo a ela vistas esplêndidas do panorama urbano de Las Vegas. Sério, eu amo imagens de fundo como esta, pela mesma razão pela qual eu amo portas de mentira e varais, e cenários urbanos, eu presumo. Eu simplesmente gosto da ideia de haverem pessoas lá fora, tratando de seus negócios, enquanto Lara corre por um arranha-céus e se livra de bandidos. O que eu suponho que seja o objetivo.



De qualquer maneira, após passarmos vários minutos parados na sacada, fitando o horizonte (possivelmente com lágrimas em nossos olhos), Lara e eu retornamos ao quarto, para que ela pudesse apertar o botão mágico, indutor de visões, situado abaixo da TV de tela plana.



O botão nos transmite a imagem bastante decepcionante de Winston, o mordomo de Lara, aparentemente prestes a tomar um banho. Completamente vestido. Com uma bandeja de chá.



Disposta a fazer qualquer coisa para apagar esta última imagem de sua cabeça, Lara decide invadir o quarto ao lado, onde, totalmente por acaso, dois membros do antigo culto de Marco Bartoli, a Fiamma Nera, estão hospedados. É um mundo pequeno.



Eles não gostam nem um pouco de ter Lara interrompendo a sua escapada romântica, e as coisas ficam bastante feias.



Porém, não tão feias quanto estas colchas. Porcaria!



Lara entra rapidamente no banheiro deles (porque esta mulher aparentemente ama ficar em banheiros), e encontra o Winston de verdade tremendo lá dentro. Não vamos ficar nos perguntando por que dois homens mascarados aprisionaram um pensionista em seu banheiro de hotel, mas, ao invés disto, comemorar a descoberta dele com um moinho de vento, o que aparentemente Lara está fazendo*.

*Não faça isto de verdade. 



Uma busca rápida pelo local revela uma chave, no chão do chuveiro. Sim, eu também normalmente deixo itens de valor próximos a dispositivos de drenagem.



A chave permite que Lara acesse o resto do hotel, que é o lar de algumas atrações bastante bizarras. Para começar, nós temos outro daqueles Guardiões (uhúl)…



… A minha favorita, alguns leopardos-das-neves congelados (o melhor tipo de leopardo-das-neves)…



… E estas imagens sinistras e assustadoras de rostos desfigurados, esculpidos em uma paisagem montanhosa árida.



Sério, que diabos é isto?



Vamos nos animar com uma foto do Guardião de Las Vegas em um breve momento de euforia, uma emoção raramente vivenciada no que deve ser, em sua maior parte, uma existência colérica.

8D



O hotel também é o lar desta… coisa.



Ah, é uma escultura. Uma escultura gigante, dourada, com vários andares e escalável. Este aviso é pequeno demais, e veio tarde demais.



Nós também temos a oportunidade de assistir o show Cell Block Rock, uma oportunidade que poucos colegas de Lara aproveitaram. Eu culpo o carpete. Sério, eu sei que vocês, os artistas responsáveis pelas texturas, estão extremamente orgulhosos do fato que dominaram a técnica de colocação inadequada de pisos com estampa de zebra, mas só um pouquinho já seria suficiente.



Outra exibição no hotel é um compartimento com um T-Rex. Eu tenho certeza que este compartimento foi construído segundo os mais elevados padrões de segurança, mas com certeza é legal deles espalhar caixas com cartuchos de espingarda, ao redor da área de visualização. Você sabe, só no caso delas serem necessárias.



É, provavelmente não é a melhor ideia ter os fundos da sua jaula de dinossauros dando em uma rua movimentada da cidade. Outra ideia ruim: deixar a saída da jaula escancarada, e simplesmente confiar que os dinossauros não desencadearão uma onda de violência assassina.



Após dispensar dois T-Rex atrevidos, Lara passa um pouco de tempo dando uma volta pelas lojas, e se depara com uma loja de televisores com o nome e o rosto do Sr. Bartoli. Evidentemente, o plano B da família, caso aquela coisa toda de dominar o mundo não desse certo.



De volta ao hotel, Lara consegue a proeza de soltar o Guardião, ao usar o elevador.



Okay, este Guardião é o meu favorito. Ele sempre parece estar tão feliz! Embora eu não tenha certeza se Lara gosta de ser chacoalhada feito uma boneca de pano. Ela parece levemente irritada.



Pela segunda vez nestas cinco fases, Lara tem que acabar com a vida de uma criatura extremamente rara, antes de poder prosseguir. Esperamos que esta seja a última delas, e que o jogo Guardian of Light não inclua algum tipo de recriação aterrorizante dela.



E aqui está, The Golden Mask completado! Agora é hora da nossa terceira aventura…